Romero reúne-se com taxistas para discutir embarque e desembarque em trecho da faixa exclusiva na Floriano Peixoto

Na tarde desta segunda-feira, 14, o prefeito Romero Rodrigues, acompanhado do superintendente da STTP, Félix Araújo Neto, esteve reunido com vários profissionais taxistas que reivindicaram a liberação do embarque e desembarque, em trecho da faixa exclusiva de ônibus na avenida Floriano Peixoto.

De acordo com representantes da categoria a solicitação é que a STTP libere o trecho entre da antiga reitoria até a catedral, nos dois sentidos, local onde existe a necessidade do embarque e desembarque de passageiros, que em sua maioria são idosos ou pessoas com necessidades especiais.

Durante sua explanação, o prefeito solicitou dos taxistas a compreensão do entendimento de que a implantação da faixa exclusiva é necessária e que faz parte do plano de mobilidade urbana da cidade. “Estamos empenhados em encontrar uma forma de resolver a situação, num consenso entre as partes e procurando flexibilizar dentro de uma proposta conjunta dos técnicos da STTP e taxistas”, disse o Romero.

No trecho da Floriano Peixoto existem vários pontos de estacionamentos de comércio e serviços com entrada e saída de veículos, e que atrapalham o fluxo de automóveis. E, com a implantação do corredor exclusivo de ônibus o trânsito tem que fluir.

Após o dialogo com a categoria, o prefeito Romero definiu que a equipe técnica da STTP vai localizar quais pontos serão permitidos para o embarque e desembarque dos taxis permissionários. Os taxistas deverão utilizar a faixa exclusiva, no trecho entre a antiga reitoria até a catedral, com bom senso  e apenas para desembarcar ou embarcar passageiros, exatamente para não haver o engarrafamento.

Para o superintendente Félix Neto, a reunião serviu para ouvir de perto qual o verdadeiro pleito dos taxistas, fortalecendo o diálogo com o poder público.” O Prefeito Romero tem sido muito sensível na reivindicação da categoria, que será beneficiada com a disponibilidade desses locais para embarque e desembarque”, disse Félix.

Reajuste de Tarifa – Ainda durante a reunião, e mesmo não sendo consenso geral da categoria, mas também foi solicitado ao prefeito a imediata homologação do último reajuste das tarifas dos serviços de taxi, aprovado ha mais de 30 dias pelo COMUTP – Conselho Municipal de Transporte Público.

 

Assessoria de Imprensa 14/03/16

 

Quer imprimir esta publicação ?

COMPARTILHAR