Prefeito Romero Rodrigues se reúne com taxistas e mototaxistas para garantir manutenção do atual sistema de praças

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, assegurou na manhã desta terça-feira, 7, que praças de táxis e de mototáxis da cidade permanecerão onde estão, não havendo possibilidade de mudança do sistema de praças ou pontos fixos pelo chamado sistema rotativo. A garantia foi dada inicialmente aos mototaxistas, que se reuniram com o prefeito, na sede do IPSEM. Após este primeiro encontro, Romero esteve mantendo reunião com os taxistas na sede da Secretaria Municipal de Planejamento (Seplan).

As cogitações acerca de possíveis mudanças surgiram a partir das discussões em torno do Plano de Mobilidade Urbana, que vem sendo esboçado no âmbito municipal, atendendo-se a uma exigência de caráter nacional, pois a cidade que não dispor deste novo instrumento legal ficará impossibilitada de receber recursos federais destinados à implantação de projetos e ações de mobilidade urbana. O prefeito espera que o novo plano seja definitivamente aprovado pela Câmara Municipal até o dia 12 de abril. Em seguida, ele estará em Brasília para a entrega do documento junto ao Ministério das Cidades.

Contudo, conforme relatou o prefeito, as duas categorias podem ficar tranqüilas, não havendo possibilidade de mudanças prejudiciais aos profissionais que se dedicam a prestação deste tipo de serviço à coletividade campinense, alguns, inclusive, no caso de taxistas, com pontos ou praças fixas no centro da cidade há muita décadas.

“Faremos uma flexibilização ou mesmo a retirada do artigo do plano de mobilidade que previa a questão da rotatividade para, assim, atender ao clamor e as demandas de ambas categorias. Assim, tudo se mantém, conforme a vontade dos profissionais com os quais nos reunimos hoje. Para tanto, já estivemos, inclusive, em contato com o Poder Legislativo visando o atendimento das presentes reivindicações”, disse.

Para o prefeito, os questionamentos sobre o tema foram oportunos para possibilitar o encontro e o diálogo com as duas categorias, as quais tiveram a oportunidade de expor também outras demandas. Ficou acertado, ainda, que ele estará se reunindo mais uma vez esta semana com os taxistas, tendo sido esta reunião marcada para a próxima sexta-feira, na sede do sindicato da categoria. Para o encontro, serão convocados técnicos da STTP.

Todos os mototaxistas presentes à reunião desta terça-feira mostram-se satisfeitos com a decisão do prefeito, o mesmo acontecendo em relação aos taxistas, cujo representante, José Domingos de Sousa, ponderou que “se sentia muito alegre e feliz pela maneira como o prefeito dialogou com o segmento profissional, tranqüilizando a todos quanto a permanência do atual sistema de organização das praças em pontos fixos”.

Durante o encontro, o prefeito lembrou aos taxistas alguns benefícios já alcançados pela categoria já na atual gestão, a exemplo da possibilidade de profissionais poderem transferir o direito de exploração dos pontos de táxis para pessoas da própria família, beneficiando-se, sobretudo, os que já estavam com idade avançada, com problemas de saúde ou buscavam outros meios de sobrevivência. “Com isso, hoje existe a permissão da transferência da praça, conforme lei de nossa autoria, atendendo-se a uma antiga reivindicação da classe”, lembrou.

Quer imprimir esta publicação ?

COMPARTILHAR