Superintendente da STTP negocia com agentes de trânsito e categoria suspende greve.

Em assembleia realizada na última terça-feira (27), os agentes de trânsito da STTP decidiram suspender a greve da categoria, após uma aprovação por maioria da proposta encaminhada pelo superintendente Félix Neto.

Antes dessa decisão pela suspensão da greve, a categoria já vinha se reunindo com a nova superintendência da STTP, que recentemente assumiu a direção do órgão, já encontrando um indicativo de paralisação. Durante as negociações, Felix Neto apelou para o bom senso dos servidores, recordando que o Governo de Romero Rodrigues sempre se utilizou do livre diálogo e canal aberto de negociação, estabelecendo, inclusive, para os agentes um olhar diferenciado das demais categorias, desde a implantação do PPCR.

Na última reunião com a STTP, na manhã desta quarta-feira, 28, a AGETRANS – Associação de Agentes de Trânsito, apresentou uma proposta de concessão da pauta de reivindicações, que incluía plantões, sistema de rodízio, horas extras e itens do PCCR, como as correções dos níveis de progressão por mérito.

De acordo com o superintendente Félix Neto, a Prefeitura tem demonstrado todo interesse em encontrar uma saída para atender a pauta da categoria, que é por demais justa. E, neste sentido vem ocorrendo um diálogo franco e transparente, onde também é apresentado aos servidores o momento de dificuldades da Prefeitura e da STTP, mas, procurando solucionar diante do possível as reivindicações da categoria.

“Nossa ideia, e o bom senso prevalece, é o de continuar negociando com os agentes, principalmente nas questões atinentes ao PCCR. O Prefeito Romero Rodrigues tem participado diretamente dessa discussões, e prevalecendo a garantia dos direitos dos nosso servidores”, disse o dirigente da autarquia de trânsito, parabenizando pelo bom senso dos agentes, pela suspensão imediata do movimento grevista.

Ainda mediante os itens da pauta da categoria, e referente a promoção por capacitação, a STTP apresentou proposta do agendamento da implantação do percentual correspondente a cinco cursos de capacitação, até o mês de junho/2016, e os outros cinco cursos, previstos no PCCR da instituição, para o mês de janeiro de 2017.

 

Assessoria de Imprensa 29/10/15

Quer imprimir esta publicação ?

COMPARTILHAR